Marketing online e offline: 3 razões para fazer uma campanha integrada

Rodrigo Neiva

O mercado educacional é bastante desafiador, sobretudo nos momentos de instabilidade econômica. Para garantir que a sua universidade continue atraindo alunos, uma boa alternativa é adotar uma campanha integrada de marketing.

Se você está na dúvida quanto à efetividade dessa estratégia, então, este artigo foi feito para você. Veja a seguir 3 razões indiscutíveis para unir o marketing on e offline na sua instituição de ensino.

1. Um pode complementar o outro

Não é porque uma tecnologia está em alta que outras técnicas e meios perdem sua utilidade. Pelo contrário: às vezes as diferenças vêm a calhar.

No marketing offline, o público atingido pelas campanhas é bastante amplo e depende da faixa etária, localização e outros aspectos para definir as mídia nas quais as ações serão veiculadas.

Por outro lado, no âmbito do marketing digital o potencial aluno já está predisposto a ingressar no ensino superior. Afinal, a pessoa só acessa os sites nos quais tem interesse, certo?

Sabendo dessa diferença no perfil do público, você pode fazer uma campanha integrada mais eficiente.

Um exemplo: a ação no jornal pode convidar os leitores a acessar o site da universidade. Assim, eles podem conferir descontos exclusivos para os assinantes daquele jornal, entre outras informações.

2. Uma campanha integrada aproxima o público

Apesar de as pessoas estarem cada vez mais conectadas, ainda existem aquelas que não utilizam a internet com muita frequência — geralmente, trata-se de pais e mães que preferem ficar longe dessa tecnologia. No entanto, para as instituições de ensino, esse público é tão importante quanto os candidatos em si.

Portanto, é um erro investir somente nas mídias online; o ideal é que haja uma campanha integrada, equilibrando as ações no mundo real e no virtual.

Uma ideia que você pode explorar é realizar um evento apresentando as vantagens da sua faculdade. Para divulgá-lo, você informa com antecedência nas redes sociais, no site oficial e nas mídias de interesse.

Dessa forma, é possível trazer pais e alunos para a instituição de ensino, e quando eles estiverem na universidade, você terá uma atenção exclusiva. O que pode aumentar as chances de ter mais um aluno estudando na sua faculdade.

3. A comunicação all-line é a maior tendência no marketing

Mais do que simplesmente angariar candidatos, o marketing de uma universidade precisa fidelizar seu público. É por meio deste vínculo que os ex-alunos continuam voltando, indicando para os colegas e propagando a imagem da instituição.

Se você quer ter esse público fiel, então é melhor abraçar de vez a comunicação all-line. Esse conceito defende a utilização harmoniosa das mídias on e offline.

Poucos ainda acreditam que o digital substituirá o material impresso e outras ações promovidas fora do ambiente da  internet.

A tendência é que a campanha integrada seja cada vez mais adotada, principalmente pelo alcance que ambas possuem. Esse recurso pode até ser uma exceção no presente, mas, certamente será uma regra no futuro.

Por mais notoriedade que uma faculdade tenha, é difícil manter uma regularidade nas matrículas realizadas todos os anos. Em 2016, por exemplo, o número de inscrições no ensino superior ficou aquém do esperado, segundo o Ministério da Educação.

Tendo isso em mente, é fundamental utilizar todas as ferramentas disponíveis atualmente para conquistar os candidatos. De todas as que você encontrará por aí, a campanha integrada é a que trará o melhor resultado.

Que tal ficar por dentro das últimas novidades do marketing para universidades? Assine a nossa newsletter e receba tudo em primeira mão!

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar